ARTIGOS

Diarreia, gases e distensão abdominal

Por Dr. Richard Portier

em 18 de junho de 2021.

Inscreva-se e participe gratuitamente dos meus vídeos semanais

A diarreia é o aumento na frequência e a diminuição na consistência das fezes. É um efeito colateral comum no início do tratamento. Porém, para a maioria das pessoas, desaparece após alguns dias ou semanas, embora, para outras, permaneça um problema por anos. Gases e distensão abdominal também são sintomas comuns.

Além disso, esses sintomas causam dor e constrangimento, pois são imprevisíveis. Você deixa de sair de casa porque não quer arriscar um incidente.

A diarreia pode se tornar uma ameaça à vida quando há grande perda de  líquido, causando desidratação, ou quando causa problemas na absorção dos nutrientes, o que leva à perda de peso e desnutrição.

Por isso você precisa descobrir a causa. Esses estão os principais benefícios:

  • Você reduz a irritação do intestino, o que reduz a dor e o inchaço abdominal.
  • Você volta a sua vida normal, pois não vai passar por constrangimentos.
  • Seu sono melhora porque você não precisa correr ao banheiro à noite.
  • Você melhora a absorção de nutrientes, mantêm o peso e melhora o sistema imunológico.
  • Seus antirretrovirais funcionam melhor, pois serão melhor absorvidos.
  • Você melhora a adesão, pois estes sintomas são alguns dos principais motivos pelos quais as pessoas abandonam o tratamento.

Se você está com diarreia há mais de 7 dias ou nas fezes há sangue, este não é o momento para o auto-diagnóstico. A causa para o seu problema pode ser simples, mas também ser algo grave. Apenas seu médico pode diagnosticar adequadamente. Por isso converse com o seu médico sobre qualquer seus sintomas para que uma investigação adequada possa determinar a causa.

Descobrindo a causa

Existem diversas causas para esses sintomas. A seguir estão algumas:

  • O próprio HIV: nas pessoas sem tratamento, o vírus danifica o intestino atacando as células imunológicas do local.
  • Os antirretrovirais: são uma causa comum, de curto prazo e desaparecem após alguns dias ou semanas de tratamento. Pessoas que utilizam antirretrovirais da classe dos inibidores da protease, como o atazanavir, o darunavir e o ritonavir possuem uma chance maior de permanecer com a diarreia.
  • Síndrome do intestino irritável.
  • Doença inflamatória intestinal.
  • Intolerância à lactose.
  • Sensibilidade ao glúten.
  • Infecções, incluindo bactérias, vírus e parasitas.
  • Intolerância à gordura e má absorção.
  • Excesso de açúcar ou cafeína.
  • Intolerância às FODMAPS.
  • Efeito colateral de outros medicamentos, como antibióticos.
  • Estresse.

O que fazer?

Descobrir a causa.

Por exemplo, se você tem intolerância à lactose, retirar alimentos lácteos. Se tem sensibilidade ao glúten, consumir menos trigo.

Exames podem ser necessários, como exame de fezes ou colonoscopia.

Se utiliza inibidores da protease, a troca do medicamente é uma opção.

O mais importante é realizar o diagnóstico. Por isso converse com o seu médico na próxima consulta.

Inscreva-se e participe gratuitamente dos meus vídeos semanais

Médico Infectologista

CRMPR 32.357

RQE 23.586

Nenhuma informação desta página e dos nossos produtos substitui uma consulta presencial com seu médico. Jamais faça nenhuma mudança no seu tratamento sem antes consultar seu médico ou profissional de saúde. É só ele quem poderá avaliar de perto a sua situação atual e decidir se você está apto ou não à essas alterações. Portanto, é imprescindível que você tenha acompanhamento médico para sua segurança. Se tiver qualquer dúvida, envie um email para richard@richardportier.com que responderemos o mais breve possível. Obrigado!

© 2021 Richard Portier. Todos os direitos reservados. Termos de uso.